terça-feira, 5 de agosto de 2014

Ministro da Saúde afirma que portos e aeroportos estão sendo monitorados contra ebola

Imagem: Reprodução/EBC
O ministro da Saúde, Arthur Chioro, disse hoje que todas as entradas de pessoas no país estão sendo moniotoradas e que não há nenhum caso do vírus ebola no Brasil.

O surto de ebola nos países africanos de Serra Leoa, Guiné, Libéria e Nigéria, já é o maior registrado até hoje. Mais de 1600 pessoas foram infectadas, e entre estas mais da metade morreram, segundo dados da OMS.

Segundo Chioro, se algum passageiro apresentar algum sintoma, a tripulação é obrigada a comunicar imediatamente, de acordo com o regulamento internacional. O ministro ainda completou dizendo que o Sistema Nacional de Vigilância Epidemiológica está atento as recomendações da Organização Mundial de Saúde, além de contar com uma rede de referência de hospitais junto às secretarias municipais e estaduais de Saúde, no diagnóstico e prevenção.

“Já tínhamos, na semana passada, aumentado o nível de alerta para nossas equipes que atuam nos portos e aeroportos. Não temos nenhum caso suspeito, mas todos os tripulantes e passageiros que chegam são submetidos a rigorosa avaliação e, se for identificado alguém com sintomas, vai imediatamento para o isolamento e coleta de exames”, disse ele.

Com informações da Agência Brasil 
Brasil Contra Corrupção