Mostrando postagens com marcador Veio da Havan. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Veio da Havan. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 19 de janeiro de 2021

Apoiador de Bolsonaro, Hang, esposa e mãe estão internados por coronavírus

Ele é contra o fechamento do comércio mas se tiver algum problema vai pro hospital privado, já o povo depende do SUS. Véio da Havan também apoia a cloroquina que não tem comprovação científica 

 

Imagem: Reprodução Facebook de live do Bolsonaro


O empresário Luciano Hang, dono da rede Havan, que é apoiador de Bolsonaro e fez campanha contra o fechamento do comércio promovendo até mesmo aglomerações em suas lojas, até mudou algumas coisas burocráticas em sua rede para vender alimentos e continuar funcionando na pandemia, está internado em hospital particular Sancta Maggiore da rede Prevent Sênior em São Paulo. Sua esposa e mãe também estão internadas por covid- 19. 

Durante a pandemia Luciano Hang incentivou medidas que vão contra o que profissionais de saúde de um modo geral recomendam para evitar que o coronavírus se espalhe. Só que a diferença é que ele, ao contrair, tem dinheiro para bancar os altos custos médicos, não precisa ficar na fila do SUS agonizando por oxigênio, sofrendo por falta de atendimento, hospitais lotados e todo o resto que é de conhecimento público.

Fica sempre toda torcida para que ele se recupere mas é importante destacar a diferença do que acontece com quem tem muito dinheiro, vai pro hospital privado, de quem não tem como bancar esta despesa altíssima se precisar.


Leia também Retirada de Bolsonaro ganha força e pode se tornar realidade em 2021 

Eduardo Bolsonaro tem postagem marcada como informação falsa

Flavio Bolsonaro tem post marcado como fake news no Facebook

Bolsonaro tem post marcado como enganoso e prejudicial sobre o coronavírus pelo Twitter 

Bolsonaro e Ministério da Saúde tem posts marcados como enganoso no Twitter  

Fora Bolsonaro com panelaço, carreata e placar do impeachment por MBL e Vem Pra Rua 

Retirada de Bolsonaro ganha força e pode se tornar realidade em 2021 

Bolsonaro não comprou 70 milhões de vacinas em agosto da Pfizer para dezembro 

STF diz que não proibiu Bolsonaro de atuar na pandemia de coronavírus  

Fracasso de Bolsonaro parte 2; Índia tira o Brasil mas envia vacina para outros países

Em maio de 2020, empresa de Hang conseguiu liminares na Justiça para manter empresa aberta na mesma categoria de supermercados.

Fez protestos também por abertura de lojas e sempre divulga apoio ao presidente Bolsonaro.

Em 2016 surgiram informações falsas na internet, inclusive da Carla Zambelli apoiadora de Bolsonaro, que sua rede de lojas era da filha da Dilma, outras pessoas diziam ser do filho do Lula, Sílvio Santos e até mesmo do Bispo Edir Macedo, isso o fez aparecer nos comerciais para evitar estes problemas.

Boa sorte na recuperação ao 'Véio da Havan', como ele mesmo se chama e também para sua família.

19/01/2021 - Terça

Escrito por Brasil Contra Corrupção que desde 2013 no auge dos protestos ocorridos durante o evento mundial de futebol, Copa das Confederações que é um teste para realizarem a Copa do Mundo no ano seguinte, faz sua parte na internet, criada por AnonymousBr4sil que desde 2012 atua na internet e fez este movimento, esta ideia, de reunir pessoas em prol de causas e engaja das mais variadas formas, atendendo aos pedidos de muitos perfis que pediam um meio alternativo para verem materiais e compartilharem. Brasil Contra Corrupção não é um site jornalístico, somos meio que um movimento, uma ideia de união de pessoas, blog de opinião pessoal sem compromisso de jornalismo profissional, que divulga conteúdos de interesse da sociedade de todos atores políticos não importando quem sejam, acreditamos no debate acima de tudo e saber o que estão dizendo é fundamental. Não somos envolvidos diretamente com política e partidos, nossa atuação é como fazemos desde nossa fundação. Nunca indicamos ao público em quem votar, apoiamos que votem sempre e participem do processo eleitoral pois devemos sempre acreditar na política para resolver os problemas do país não importa o que tenha acontecido. 

Dependemos exclusivamente do que tem na internet já que não somos jornalistas, não investigamos situações, tentamos repercutir falas de personagens do país de um modo geral, portanto, publicações são feitas com base no que dizem em seus perfis oficiais onde paramos para olhar o que acontece e trazemos para mais pessoas verem, opinarem, enfim.

Todas publicações são conferidas antes de serem divulgadas e tem base nos próprios perfis oficiais das pessoas citadas. Só tratamos de verdade, jamais vamos inventar falas de ninguém. Nossa liberdade consiste em não fazer parte de nenhum grupo político querendo se manter no poder ou entrar, consiste em esperar que os que estejam ou venham fazer parte em todos poderes tomem providências que melhorem a vida do povo. Nunca fomos alvo de processo por partidos ou políticos pois não fazemos notícias falsas, conhecidas por fake news/informações falsas, nem faremos, uma de nossas missões é expor os acontecimentos na intenção de buscarmos em sociedade soluções para os problemas que enfrentamos e isto vem de comentários, dicas, sugestões, enfim. Damos vozes para todos os lados e qualquer pessoa da política que precisar de sua resposta ou opinião aqui nós divulgamos pois não temos lados escolhidos nem teremos.


sexta-feira, 17 de julho de 2020

Hang dono da Havan: "Lei das Fake News quer criar amarras e censurar o livre pensamento e debate nas redes sociais

Hang dono da Havan: "Lei das Fake News quer criar amarras e censurar o livre pensamento e debate nas redes sociais"
Imagem: Reprodução Facebook


O empreendedor e ativista político Luciano Hang que é apoiador de Bolsonaro, dono das Lojas Havan, vem fazendo uma série de críticas se posicionando contra um projeto de lei que tem como base fake news mas que segundo alguns especialistas pode censurar a internet. "A Liberdade de Expressão está na Constituição Brasileira e é uma conquista de todos os brasileiros. Não podemos deixar que o nosso direito de se expressar livremente seja regulado. O projeto de Lei das Fake News, que foi aprovado no Senado e está em discussão na Câmara dos Deputados, quer criar amarras e censurar o livre pensamento e debate nas redes sociais. Algo extremante preocupante. As redes sociais nos trouxeram a oportunidade do direito ao contraditório e de propagar ideias diferentes. No Brasil, já existe uma série de leis e determinações que punem crimes contra a honra, como ameaça, calúnia, difamação, injúria, entre outras transgressões que também são realizadas na internet. Quem cria e propaga fake news deve ser sujeito a elas. Não se deixe enganar, estão querendo nos censurar. O que você acha?", disse Luciano Hang em seu Facebook oficial.


Por Brasil Contra Corrupção que desde 2013 no auge dos protestos atua na internet




sábado, 20 de junho de 2020

Hang da Havan: "Redução do endividamento com a venda de patrimônios e uso de reservas internacionais"

Hang da Havan: "Redução do endividamento com a venda de patrimônios e uso de reservas internacionais"

O empresário dono da Havan, Luciano Hang, divulgou em seu Facebook uma postagem sobre equilíbrio para as contas públicas. Havan tem 147 lojas no Brasil e segundo o Veio da Havan que é como o dono chama a si mesmo: "R$ 2,5 milhões para a Havan? Meia hora de faturamento." Leia abaixo.

"A pandemia de coronavírus afetou a economia global e com o Brasil não foi diferente. Para equilibrar as contas e reforçar que o país é seguro para investimentos, o Ministério da Economia prepara uma meta para Dívida Pública, que prevê a redução do endividamento com a venda de patrimônios e uso de reservas internacionais. Ninguém investe num país falido. A máquina pública brasileira cobra caro e não devolve nada para a sociedade. Apoio totalmente este tipo de iniciativa. A gestão pública é como administrar uma empresa. Se você tem muitas dívidas, tem que buscar alternativas para progressivamente diminui-las, fazer cortes e se ajustar a realidade atual. Paulo Guedes e sua equipe acertam em tratar a economia do país como um negócio, que precisa caminhar para o saldo positivo e investir o dinheiro em saúde, educação e segurança", diz Luciano Hang em seu perfil no Facebook.
.


Hang sobre fake news: "R$ 2,5 milhões para a Havan? Meia hora de faturamento."


"Não pode fazer Fake News, não esqueça. Fake News não é somente feito pela internet, pelo WhatsApp, os grandes órgãos da imprensa são fabricantes de Fake News. O Estadão de hoje, lê aí Barbara: 'Receita aponta sonegação de R$ 2,5 milhões  do dono da Havan'.

Olha só, aqui está o meu diretor de Contabilidade e aqui está o meu Jurídico, Jailson isso é? 'Foi uma notificação em 2009, isso aí está discutindo administrativamente nem fomos nem intimados ainda. É sobre um contrato, sobre a incidência de um imposto ou não de INSS. Pagamos ano passado R$ 130 milhões de INSS', esse valor é irrisório perto de tudo que contribuímos'.

domingo, 14 de junho de 2020

Hang sobre fake news: "R$ 2,5 milhões para a Havan? Meia hora de faturamento."

Hang sobre fake news: "R$ 2,5 milhões para a Havan? Meia hora de faturamento."
Imagem. Reprodução Facebook

"Não pode fazer Fake News, não esqueça. Fake News não é somente feito pela internet, pelo WhatsApp, os grandes órgãos da imprensa são fabricantes de Fake News. O Estadão de hoje, lê aí Barbara: 'Receita aponta sonegação de R$ 2,5 milhões  do dono da Havan'.

Olha só, aqui está o meu diretor de Contabilidade e aqui está o meu Jurídico, Jailson isso é? 'Foi uma notificação em 2009, isso aí está discutindo administrativamente nem fomos nem intimados ainda. É sobre um contrato, sobre a incidência de um imposto ou não de INSS. Pagamos ano passado R$ 130 milhões de INSS', esse valor é irrisório perto de tudo que contribuímos'.